segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Resistência e reactividade da Peugeot em 2008

Vendidos 1.904.000* de veículos montados e conjuntos de peças separadas
Factos marcantes:
- Europa (18 países):
. Quota de mercado VP+VCL estável nos 7,3 %
. Bom desempenho da gama renovada VCL com uma penetração em alta de 0,7% pontos nos 9,4%
. Progressão notável da penetração na Alemanha (+0,1 pontos) e em Espanha (+0,8 pontos)
. Domínio e crescimento dos canais Particulares e Empresas

- Fora da Europa:
. Aumento das vendas (+83,4%) e da quota (+0,7 pontos) na Rússia
. Estabilidade das quotas de mercado na Europa central e oriental
. Aumento de 4,2% do número de matrículas no Mercosul
. Aumento das vendas de peças separadas para 291.000 unidades (+60,8%) e da quota de mercado no Irão (+1 ponto)

- Produtos:
. Comercialização do novo Partner, do Bipper, do 308 SW e do novo 407
. Bom desempenho do 308, permitiu à Peugeot progredir 0,3 pontos no segmento M1 europeu
. Liderança do 207 na Europa - 18 países (3º do mercado e 1º do segmento B), cujo número de matrículas atingiu as 414 000 unidades
. Liderança ambiental da Peugeot na Europa com 15,4% do mercado de veículos que emitem menos de 120 g de CO2
. Comercialização de uma nova silhueta do 207 na China e na América Latina

Peugeot resiste num ambiente económico bastante degradado

Num ambiente económico cuja degradação acelerou no segundo semestre de 2008, as vendas mundiais da Peugeot atingiram as 1.904.000 unidades, uma redução de 3,2% em relação a 2007.

As vendas mundiais de veículos montados ascenderam a 1.613.000, contra 1.786.000 em 2007, uma diminuição de 9,7%, justificada pela brusca contracção do mercado automóvel mundial que se verificou durante o último quadrimestre.

Em simultâneo, as vendas de conjuntos de peças separadas atingiram as 291.000 unidades, um aumento de 60,8% em relação ao ano anterior (181.000).

Sem comentários: