segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Peugeot Portugal vende 22.682 viaturas e consolida posição no pódio nacional

Com o mercado automóvel nacional praticamente estagnado em 2008 (-0,5%), a Peugeot Portugal consolidou o 3º lugar do pódio, ao fechar o ano com uma penetração de 8,5% (Veículos de Passageiros e Comerciais Ligeiros), equivalente a 22.682 unidades comercializadas. A gama de Comerciais Ligeiros da Marca destacou-se ao aumentar a sua quota para 10,7% (5.920 unidades vendidas) num mercado em forte retracção de -19%.

A performance comercial da Peugeot em 2008, ano particularmente difícil e concorrencial para o sector automóvel, garantiu-lhe um posicionamento bem consolidado no mercado global português.

Ao nível dos Veículos de Passageiros, a marca comercializou um total de 16.762 viaturas, resultado assente particularmente no bom desempenho da gama 207, com 8.200 unidades vendidas (+20% face a 2007), e da berlina 308, que registou 3.092 vendas no primeiro ano completo de comercialização. A estes modelos junta-se o recente 308 SW, lançado em Junho último, e que já alcançou um total de 1.673 automóveis vendidos.

Dispondo em Portugal de uma gama de produtos cada vez mais abrangente, mesmo em segmentos muito específicos, a Peugeot viu novamente confirmado, em 2008, o seu papel como uma das marcas de referência. Uma posição que adveio também, em grande medida, da sua prestação no mercado dos Comerciais Ligeiros.

Com uma gama de Comerciais renovada e bem adaptada às necessidades dos clientes profissionais, a marca registou 5.920 unidades vendidas em 2008 e elevou a quota de mercado para 10,7%, contra 10,1% em 2007. O facto é tanto mais significativo quanto o mercado foi o que registou a maior queda em 2008 (-19%).

No conjunto, a performance de todos os Furgões Peugeot foi bastante positiva, tendo a gama Partner comercializado 1.800 veículos, a gama Expert 806 unidades e o Boxer 551 viaturas.

Bom foi também o desempenho do Peugeot Bipper, o mais recente e compacto entre os furgões da Marca. Lançado no início de 2008, veio inaugurar um novo segmento e acumulou 521 vendas.

Incentivo ao abate de veículos em fim de vida continua em 2009

Preponderante para a performance da Peugeot num ano fortemente concorrencial foi a campanha de apoio ao abate a viaturas em fim de vida. Ao abrigo desta iniciativa, a Marca encontrou dentro da sua gama soluções muito vantajosas para os clientes e dinamizadoras do mercado.

Esta campanha, associada aos apoios cedidos pelo Estado, continua a vigorar em 2009 nos mesmos moldes, aplicando-se a praticamente toda a gama Peugeot: 107, 207 (Berlina, SW e CC), 307 SW, 308 (Berlina e SW) e 407 (Berlina eSW).

Sem comentários: