terça-feira, 9 de outubro de 2007

Festa Apoteótica Ferrari

Nada menos do que quatro dias foi quanto durou o apogeu das celebrações dos 60 anos da Ferrari. Para o efeito, a marca elegeu a região de Modena (sua cidade natal, onde se encontram as suas fábricas e um dos circuitos que são sua propriedade - Fiorano) e estabeleceu um programa recheado de acontecimentos.

Se o primeiro dia foi dedicado à imprensa, a partir de sexta-feira os seus clientes também foram chamados a participar, com o epílogo a ocorrer no fim--de-semana, durante o qual houve tempo para realizar o primeiro concurso de elegância organizado pela marca do cavallino rampante, uma exibição de monolugares de F1 de várias épocas (alguns conduzidos por vários dos seus mais afamados pilotos), um desfile de mais de mil viaturas, conduzidas pelos seus próprios proprietários, e, ainda, um leilão das peças que foram oferecidas à Ferrari pelos 42 países dos cinco continentes através dos quais, nos últimos meses, foi passando a caravana que marcou a efeméride, e cuja receita (mais de 220 mil euros) reverteu para as clínicas pediátricas de Bolonha e de Modena. Não esquecendo a revelação do 612 Scaglietti Sessanta, edição especial do quatro lugares da Ferrari criada para comemorar esta data.

Descrever as emoções vividas durante estes quatro dias não é tarefa fácil. Destaca-se a presença de Piero Ferrari (filho do fundador, sempre ao volante do seu Enzo...) e pilotos como Michael Schumacher, Niki Lauda, Kimi Raikkonen, Felipe Massa, René Arnoux, Jean Alesi, Jody Scheckter, Ivan Capelli, Andrea de Adamichi, Gerhard Berger ou Luca de Badoer.

Sem comentários: