quinta-feira, 22 de fevereiro de 2007

4º Concurso de Design Peugeot

Animado pela intenção de conceber um automóvel que proporcionasse um prazer múltiplo a cada um dos seus ocupantes, Mihai Panaitescu, de origem romena, estudante de design em Turim (Itália), criou o Flux, o projecto vencedor da 4ª edição do
Concurso de Design Peugeot.

Com os seus 20 anos, Mihai Panaitescu é o mais jovem laureado do Concurso de Design Peugeot. Propôs um projecto – o Flux – que se inscreve em perfeita harmonia com o seu ambiente e incarna o veículo prazer que se adapta a diferentes cenas de vida.

Com efeito, o Flux está particularmente à vontade no meio urbano. O seu carácter compacto assegura-lhe uma grande facilidade de deslocação. O seu estilo clássico, que alia desportividade e modernidade, inscreve-o perfeitamente no tecido urbano. A sua motorização assegura-lhe um silêncio de funcionamento absoluto. O Flux demarca-se sem ostentação!

Mas o Flux é também o automóvel do prazer nos grandes espaços. A sua capacidade para cobrir longos trajectos não oferece qualquer dúvida! Assente sobre grandes rodas, o Flux proporciona aos dois ocupantes um conforto postural – bancos envolventes com múltiplas regulações –, ergonómico – o posto de condução agrupa as funções essenciais da condução – e estético – desenho muito simples, fonte de serenidade –,
independentemente da distância a percorrer.

Finalmente, o Flux é um veículo tecnológico, dada a sua motorização não poluente que se apoia numa pilha de combustível, os meios de comunicação disponíveis a bordo ou a iluminação muito eficaz que recorre à utilização de leds.

O Flux impôs-se logicamente como a viatura P.L.E.A.S.E. pela sua originalidade, a qualidade da sua apresentação e a sua coerência com o tema.

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2007

Maserati Coupé

O lançamento do novo Maserati Coupé está marcado para Agosto deste ano.

O seu design será inspirado no do Quattroporte e, debaixo do capot, albergará uma evolução do V8 de 4,2 litros do actual modelo, podendo a sua potência ascender aos 500 cv. A configuração do seu interior será do tipo 2+2.

Crê-se que, aquando da introdução do novo Coupé, a Maserati venha a deixar cair esta designação, recuperando nomes do passado como «Mistral».

Audi A7

A Audi tenciona alargar a sua oferta a um coupé de quatro portas, chamado A7. Posicionado entre o A6 e o A8, o novo coupé terá um comprimento acima dos 4,90 metros.


A oferta de motores da nova proposta compreenderá somente unidades de topo, como é o caso do 3.6 a gasolina de 300 cv e os turbodiesel 2.7 e 3.0, ambos com sistema de redução das emissões.

O sistema de tracção integral quattro surgirá no A7 à semelhança dos outros desportivos da marca dos anéis, com diferencial Torsen e repartição da potência de 40/60 entre os eixos dianteiro e traseiro.

Honda propõe adaptador para i-Pod

A Honda disponibiliza, a partir de Fevereiro, um adaptador que permite a ligação do i-Pod ao sistema áudio de origem dos seus automóveis.

O adaptador permite o controlo do sistema nos comandos áudio do veículo, carregar a bateria do i-Pod e ouvir música durante várias horas. Para além do adaptador, os concessionários da marca também comercializam o i-Pod fruto da parceria entre a Honda e a Apple.

Operação Carnaval já começou

A GNR deu início, pelas 0h00 de hoje, à «Operação Carnaval 2007».Durante quatro dias (até às 24h de dia 20) vão estar mobilizados cerca de 2.157 militares e 550 patrulhas por dia de modo a garantir a fiscalização nas estradas e em estabelecimentos que comercializam artigos pirotécnicos.
Em comunicado, a GNR anunciou que a operação terá particular incidência nos itinerários principais e nas localidades, e contará com um reforço da Brigada de Trânsito nas principais vias de acesso aos locais onde ocorrem os festejos carnavalescos.
O controlo de velocidade e da alcoolemia, a condução agressiva, o uso de cintos de segurança e a utilização indevida de auscultadores sonoros serão alguns dos comportamentos aos quais a GNR terá especial atenção.

Peugeot lança e-Peugeot - Reservas Online com condições de aquisição exclusivas


Sempre com o espírito de inovação presente, a Peugeot acaba de lançar o e-Peugeot - Reservas Online, um serviço vocacionado para os clientes adeptos das novas tecnologias, que lhes permite adquirir o seu automóvel com condições exclusivas online.

Disponível a partir de hoje, a primeira oferta do e-Peugeot –Reservas Online centra-se no 1007 Cappuccino, animado pelos motores diesel 1.4 HDi e 1.4 16V a gasolina, com um desconto de aproximadamente 2.500 € no preço final para o cliente.

Acessível através do site www.peugeot.pt, este serviço permite ao cliente reservar o veículo pretendido e seleccionar o Concessionário onde pretende efectuar a compra. O número de veículos disponibilizados é limitado, pelo que serão lançadas novas promoções periodicamente, conferindo um carácter de exclusividade a esta acção.

A promoção de estreia do e-Peugeot – Reservas Online destina-se aos clientes do 1007, cuja versão Cappuccino se distingue por um elevado nível de equipamento a um preço mais acessível.
Para tornar este serviço ainda mais apetecível, durante a fase de lançamento, a Peugeot oferece um Kit Caméléo e um Kit de Aros dos Ventiladores, no valor comercial de 290€, para que o cliente possa personalizar o seu 1007 com um estilo próprio e original.

Peugeot lança e-Peugeot - Reservas Online com condições de aquisição exclusivas


Sempre com o espírito de inovação presente, a Peugeot acaba de lançar o e-Peugeot - Reservas Online, um serviço vocacionado para os clientes adeptos das novas tecnologias, que lhes permite adquirir o seu automóvel com condições exclusivas online.

Disponível a partir de hoje, a primeira oferta do e-Peugeot –Reservas Online centra-se no 1007 Cappuccino, animado pelos motores diesel 1.4 HDi e 1.4 16V a gasolina, com um desconto de aproximadamente 2.500 € no preço final para o cliente.

Acessível através do site www.peugeot.pt, este serviço permite ao cliente reservar o veículo pretendido e seleccionar o Concessionário onde pretende efectuar a compra. O número de veículos disponibilizados é limitado, pelo que serão lançadas novas promoções periodicamente, conferindo um carácter de exclusividade a esta acção.

A promoção de estreia do e-Peugeot – Reservas Online destina-se aos clientes do 1007, cuja versão Cappuccino se distingue por um elevado nível de equipamento a um preço mais acessível.
Para tornar este serviço ainda mais apetecível, durante a fase de lançamento, a Peugeot oferece um Kit Caméléo e um Kit de Aros dos Ventiladores, no valor comercial de 290€, para que o cliente possa personalizar o seu 1007 com um estilo próprio e original.

Peugeot lança e-Peugeot - Reservas Online


Sempre com o espírito de inovação presente, a Peugeot acaba de lançar o e-Peugeot - Reservas Online, um serviço vocacionado para os clientes adeptos das novas tecnologias, que lhes permite adquirir o seu automóvel com condições exclusivas online.

Disponível a partir de hoje, a primeira oferta do e-Peugeot – Reservas Online centra-se no 1007 Cappuccino, animado pelos motores diesel 1.4 HDi e 1.4 16V a gasolina, com um desconto de
aproximadamente 2.500 € no preço final para o cliente.

Acessível através do site www.peugeot.pt, este serviço permite ao cliente reservar o veículo pretendido e seleccionar o Concessionário onde pretende efectuar a compra. O número de veículos disponibilizados é limitado, pelo que serão lançadas novas promoções periodicamente, conferindo um carácter de exclusividade a esta acção.

A promoção de estreia do e-Peugeot – Reservas Online destina-se aos clientes do 1007, cuja versão Cappuccino se distingue por um elevado nível de equipamento a um preço mais acessível.
Para tornar este serviço ainda mais apetecível, durante a fase de lançamento, a Peugeot oferece um Kit Caméléo e um Kit de Aros dos Ventiladores, no valor comercial de 290€, para que o cliente possa personalizar o seu 1007 com um estilo próprio e original.

sexta-feira, 9 de fevereiro de 2007

A Peugeot no 77º Salão Internacional do Automóvel de Genève

Por ocasião do 77º Salão Internacional do Automóvel de Genève, Automobiles Peugeot revela três novas silhuetas na oferta 207, bem como o seu novo sport utility vehicle (SUV), o 4007. Cada uma destas propostas ilustra a ambição da Peugeot em declinar o prazer automóvel sob as formas mais diversas, CC, RC, SW e SUV.

Os vinte e oito modelos de série e os seis concept cars (207 SW Outdoor,4007 Holland&Holland, 908 RC, 207 Epure, 908 HDi FAP e Spider 207)têm por cenário um espaço de exposição superior a 2.600 m2, numa atmosfera que traduz uma impressão de bem-estar, de emoção, de evasão e de leveza.

PEUGEOT 207 ELEITO “UTILITÁRIO DO ANO 2007”

Após ter sido seleccionado um dos seis finalistas a concurso ao “Carro do Ano”, o Peugeot 207 superiorizou-se, numa das categorias mais concorridas do Troféu do Automóvel, ao Opel Corsa, Fiat Grande Punto, Nissan Note e Toyota Yaris, alcançando o prestigiante prémio de “Utilitário do Ano” em Portugal.

Esta distinção reconhece o carácter de referência do mais recente modelo da Peugeot que, após o seu lançamento em Abril de 2006, teve uma óptima aceitação por parte dos clientes nacionais, e alcançou em tempo recorde os lugares cimeiros do seu segmento de mercado.

Os trunfos que caraterizam o modelo – como a qualidade de construção, a eficácia dinâmica e a gama de motores de última geração, combinados com o design muito apurado – permitiram-lhe terminar o ano de 2006 no segundo lugar do segmento com
4.372 unidades vendidas.

Mas o Peugeot 207 não deixou de lado a paixão e a inovação, oferecendo níveis de conforto e de prazer automóvel dignos do segmento superior. Assim, a sua performance comercial mostra uma tendência de crescimento constante, que em Janeiro último atingia os 12,1% de quota de mercado. Por outro lado, a unidade diesel 1.4 HDi apresentada a concurso é também reveladora da liderança do 207 entre os modelos a diesel do seu segmento.

Sufragado pelo Júri do “Carro do Ano / Troféu Volante de Cristal”, o Peugeot 207 prepara-se agora para enriquecer a sua gama em Portugal com o lançamento do 207 Coupé-Cabriolet que leva aindamais além a valorização estética e a exclusividade da gama 207.

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2007

Christian Streiff anuncia nova organização

Christian Streiff, Presidente do grupo PSA Peugeot Citroën, anuncia a nova organização, que vai constituir o novo órgão executivo do Grupo.

Foi criado um Comité de Direcção Geral. É constituído por cinco membros do Conselho de Administração e cinco directores, que reportam directamente ao Presidente:

Direcção de Estratégia e Inovação, Isabelle Marey-Semper

Direcção Financeira e Informática, Sylvie Rucar

Direcção de Recursos Humanos, Jean-Luc Vergne

Direcção Jurídica, Relações Institucionais e Auditoria, Jean-Claude Hanus

Direcção de Comunicação, Liliane Lacourt

Para além do Comité de Direcção Geral, quatro funções operacionais China, Mercosur, Compras, Peças Sobressalentes, às quais se junta a Direcção de Quadros Dirigentes, reportarão igualmente ao Presidente.

Aquando da sua tomada de funções, Christian Streiff anunciou que «esta nova organização simples e operacional permitirá tomadas de decisão rápidas, para voltar o mais rapidamente possível ao crescimento e rentabilidade».
Isabelle Marey-Semper, Directora de Estratégia e Inovação.
Aluna da École Normale Supérieure, Doutourada em Neuro-Farmacologia e titular de um MBA no Collège des Ingénieurs, Isabelle Marey-Semper era anteriormente membro do Comité de Direcção da Divisão Tecnológica do grupo Thomson.

Sylvie Rucar, Directora Financeira e Informática.
Diplomada na École Supérieure de Commerce de Paris, Sylvie Rucar era anteriormente Directora de Financiamento e Tesouraria e membro do Comité dos directores da PSA Peugeot Citroën.

Jean-Luc Vergne, Director de Recursos Humanos.
Titular de um mestrado em Direito Público, Jean-Luc Vergne era anteriormente Director de Relações e Recursos Humanos, membro do Comité Executivo da PSA Peugeot Citroën.

Jean-Claude Hanus, Director Juridico, Relações Institucionais e Auditoria.
Diplomado pelo Institut de Droit des Affaires de Paris e doutourado em Direito, Jean-Claude Hanus era anteriormente Director Jurídico e membro de Estado Maior da PSA Peugeot Citroën.

Liliane Lacourt, Directora de Comunicação.
Titular de um DEA em Economia Aplicada na Universidade Paris IX Dauphine, Liliane Lacourt era anteriormente Directora de Comunicação e membro do Estado Maior da PSA Peugeot Citroën.

segunda-feira, 5 de fevereiro de 2007

607 2.2 HDi no mercado nacional

O 607 prossegue o alargamento da oferta no mercado português e acentua o seu poder de sedução, propondo um novo motor 2.2 HDi com filtro de partículas e que desenvolve Personificação da berlina de prestígio, o Peugeot 607 afirma-se, desde o seu lançamento, num segmento maioritariamente dominado pelas marcas especialistas, graças ao seu estilo elegante de curvas subtilmente audaciosas, ao nível de conforto ou à excelência tecnológica exemplificada pela estreia mundial do filtro de
partículas (FAP).

Estes atributos genéticos foram preservados, tanto pela intemporalidade da estética, como pela capacidade de valorização permanente: compartimento de bagagens com abertura e fecho motorizados, airbags laterais traseiros, ou a motorização 2.7 HDi V6 FAP de 204 cv, associada a uma caixa automática auto-adaptativa de seis velocidades e comando «Tiptronic system Porsche».

Novidade mundial num motor de quatro cilindros diesel, esta tecnologia do duplo turbo sequencial paralelo proporciona um elevado prazer de condução, graças, nomeadamente, a uma grande disponibilidade de binário. Este motor que se destina ao coração da gama 607 equipa qualquer dos seguintes níveis de conforto do 607: Titane, Ivoire e Ebène. Este acontecimento produto é um argumento de peso para reforçar a performance comercial do 607, dotando-o mais uma vez do brio e do prazer de utilização sempre esperados pelos seus clientes.

Com efeito, as vantagens proporcionadas por esta motorização moderna,performante, económica e respeitadora do ambiente, permitirão ao 607 fortalecer a sua posição num segmento de mercado muito concorrencial,atraindo ainda novos compradores que se irão juntar aos actuais 125.000 proprietários do modelo. Refira-se que as motorizações diesel dominam as vendas do 607, designadamente com um peso de 85% na Europa e 99% em Portugal.

PSA Peugeot Citroën fornece motores Diesel

A Mitsubishi Motors Corporation e o grupo PSA Peugeot Citroën acabam de anunciar a assinatura de um acordo sobre o fornecimento de motores Diesel da PSA Peugeot Citroën à Mitsubishi Motors. O acordo estabelece que a PSA Peugeot Citroën vai fornecer à Mitsubishi Motors o seu mais recente motor 2.2 diesel de injecção directa, a partir de meados de 2007. De forma a garantir uma performance ambiental excepcional, este motor beneficiará de um filtro de partículas (FAP) de tecnologia PSA Peugeot Citroën.

A Mitsubishi Motors inicia a comercialização do novo SUV Outlander (4x4 desportivo) na Europa, a partir deste mês, e prevê juntar à sua oferta uma nova versão equipada com o motor 2.2 Diesel da PSA Peugeot Citroën. Por seu lado, o Peugeot 4007 e o Citroën C-Crosser vão beneficiar deste motor 2.2 Diesel com FAP aquando do seu lançamento comercial, previsto para meados de 2007. Em Julho de 2005, as duas empresas decidiram unir esforços e trabalhar em conjunto num veículo tipo SUV para a PSA Peugeot Citroën, baseado numa nova plataforma em desenvolvimento na Mitsubishi Motors Corporation.

Este novo acordo, que não estava previsto no acordo de cooperação inicial, reflecte a boa relação entre os dois grupos e o reforço da sua ligação no fornecimento de componentes. A Mitsubishi Motors e a PSA Peugeot Citroën vão prosseguir a sua estratégia de cooperação em áreas « win-win » para ambos os parceiros.

Grupo BMW e PSA Peugeot Citroën reforçam cooperação

A cooperação entre o grupo BMW e a PSA Peugeot Citroën deu origem a um novo motor a gasolina 1.4i. Este motor deriva do 1.6i já existente nas gamas de modelos dos dois parceiros: o Mini Cooper e Cooper S e o Peugeot 207.

A potência eleva-se ao 70 Kw (95 cv) às 6000 rpm. O binário varia entre 136 Nm e 140 Nm, em função das aplicações. Este novo motor beneficia da mesma tecnologia de ponta, de modo a optimizar as performances, diminuindo os consumos: inclinação variável da árvore de cames de admissão e escape, distribuição variável das válvulas e bomba de óleo pilotada. O novo motor conserva o mesmo diâmetro, mas dispõe de um curso reduzido.

A cooperação entre os dois grupos foi anunciada em Munique, em Dezembro de 2004. O desenvolvimento comum dos motores realizou-se no Centro de R&D do grupo BMW, em Munique, com as equipas de engenheiros dos dois grupos. Os custos de R&D foram partilhados por cada um dos parceiros. Os motores são dotados de tecnologia de ponta que proporciona ganhos de consumo significativos em comparação com os motores que vêm substituir, oferecendo ao consumidor final um prazer de condução acrescido.

A produção em pleno desta família de motores a gasolina (1.4i + 1.6i) deve atingir um milhão de unidades por ano. O fabrico de todos os componentes desta família de motores é feita para ambos os grupos na fábrica da PSA
Peugeot Citroën de Douvrin (na região de Nord Pas de Calais), que também está encarregue da montagem dos motores do grupo PSA Peugeot Citroën. Por seu lado, os motores da Mini serão montados na fábrica de Hams Hall,
na Grã-Bretanha. A repartição da produção entre as diferentes famílias de motores fruto desta cooperação será de 40% para cada motor atmosférico, 1.4i e 1.6i e de 20% para o motor 1.6i turbo de injecção directa.